Clique-para-ampliar
Entidades empresariais debatem demandas do Sul em plenária
Clique-para-ampliar

Lideranças das associações empresariais da região Sul se reuniram para mais uma plenária, na noite desta quarta-feira, 28, em Pedras Grandes. Na pauta, estiveram prioridades regionais como a concessão do trecho sul da BR-101. O consultor regional Giovane Ferreira expôs dados atualizados sobre as audiências públicas que, com a privatização, prevê investimentos de 2,9 milhões, prometendo, entre outros benefícios aumentar a arrecadação dos municípios. A ação é uma das prioridades de atuação da regional.
Solicitando um novo estudo de medição de tráfego no trecho, a adequação do valor, a redução do número de praças de pedágio e o recálculo dos custos, 20 associações assinaram um manifesto regional que foi enviado ao Dnit. “Aguardamos o resultado das audiências para definirmos os próximos passos”, declarou Giovane.

Lideranças alertam sobre saída de rota da Ásia do Porto de Imbituba

O presidente da Acivale, Roberto Michels, levantou um assunto que tem preocupado a classe empresarial da região. Nesta semana receberam a notícia de que a rota da Ásia para o porto de Imbituba será retirada de operação, o que representa uma grande perda para o Sul. Ele solicitou que a Facisc mobilize uma ação pela manutenção do serviço. “Soubemos que o argumento da empresa para a saída seria o alto custo do Porto. Precisamos nos unir para tentar manter esta linha de transporte. Com a perda de rotas, nossas exportações e importações se tornam mais onerosas”, alerta.

 Voz Única

Além das associações, a reunião contou com a presença do prefeito da cidade, Vilson Tadeu Marcon, do deputado estadual eleito, Volnei Weber, do vereador Reginaldo Manoel que receberam o documento Voz Única. O deputado se comprometeu em defender as bandeiras do Estado e principalmente da região Sul. O presidente da Acivale, Roberto Michels destacou que as entidades estarão atentas as ações dos eleitos que representarão a região. “Estamos a disposição e esperamos que os deputados lutem por nossas demandas. Que se unam pelo Sul e busquem o desenvolvimento local”, afirma.

Pedras Grandes recebe associação empresarial

Com uma população de cerca de cinco mil habitantes, na sua maioria formada por descendentes da imigração italiana, o município de Pedras Grandes, no Sul do estado, recebeu pela primeira vez uma plenária regional da Facisc. O motivo da escolha da cidade foi a criação e a posse da diretoria da mais nova Associação Empresarial catarinense, a Associação Empresarial de Pedras Grandes (AEPG). “É uma grande honra receber Pedras Grandes no nosso Sistema. O associativismo se fortalece e quem ganha é a classe empresarial”, destacou o vice-presidente regional, Samuel Lima.
No município com a economia baseada na agricultura, na pecuária, na indústria, no comércio e atividades extrativistas, a nova Associação tem como presidente a empresária Miriam Guisi que assume o desafio de representar, mobilizar, desenvolver e fortalecer empresários e empreendedores locais. “É um grande passo que damos e a nossa bandeira é a do desenvolvimento. Queremos fazer a diferença e participar de decisões do município para melhorar a qualidade de vida de todos”, declarou a presidente.